CONVERSAÇÕES ENTRE ARTES E CIÊNCIAS SOCIAIS NOS LIMITES DO CONTEMPORÂNEO

John Fletcher, Agenor Sarraf Pacheco, Ernani Pinheiro Chaves

Resumo


Este estudo visa analisar diálogos recentes e, muitas vezes, divergentes entre as artes visuais e as ciências sociais, de maneira a ajudar na compreensão de nosso presente conflituoso e polifônico. Os diálogos em questão problematizam operações estéticas de sociedades complexas, bem como encaram diferentes experiências como parte de um conjunto de histórias interligadas e sobrepostas, cada uma das quais com seu próprio
programa e ritmo de desenvolvimento, todos coexistindo e interagindo entre si. Com o intuito de traçar, longe de um colecionismo de materiais heterogêneos, uma descrição analítica e reflexão interpretativa, o presente trabalho busca encadeamentos teóricos a partir de intelectuais da filosofia e sociologia Pós-Modernas, da antropologia Pós-Moderna do seminário de Santa Fé e das premissas Pós-Colonial e Descolonial. Com um aporte de autores como Fredric Jameson, Jean Baudrillard, James Clifford, Homi Babha, Edward Said, Walter Mignolo, Adolfo Alban, Joaquín Barriendos, entre outros, visamos reiterar, portanto, uma agenda
interpretativa destituída dos processos de colonização do poder, do ser, do ouvir, do fazer e do ver para se pensar artes visuais em sociedades periféricas globais.

Palavras-Chave: Arte, cultura, regimes visuais, etnografia do pensamento.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/amazonica.v7i2.3453

© Direitos reservados à Amazônica - Revista de Antropologia
This is an open access website under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Comercial License.
Designed by: Leonardo Baima
Creative Commons License
Amazônica - Revista de Antropologia da Universidade Federal do Pará é licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-No Derivative Works 3.0 Brasil.
Based on a work at www.periodicos.ufpa.br.
Permissions beyond the scope of this license may be available at http://www.periodicos.ufpa.br/index.php/amazonica.