Logo do cabeçalho da página Revista Margens Interdisciplinar

O PACTO PELO ENSINO MÉDIO: REFLEXÕES (PREGRESSAS) SOBRE A EDUCAÇÃO CIENTÍFICA

Marise Nogueira RAMOS

Resumo

Popularizar a educação científica na escola (concepção não hegemônica), visando à melhoria da qualidade da educação no ensino médio, como proposição deliberada pela Diretoria de Ensino Médio da Secretaria de Educação Média e Tecnológica do MEC nos anos de 2003 e 2004, é o objetivo do artigo, fundamentado em Ramos (2012; 2011; 2002 e 2003), Vigostsky (1989) e Marandino (2003). O resultado aponta que a proposta não avançou como política pública estruturante. Mediante as DCNEM atuais e anseios do Pacto Nacional pelo Ensino Médio, tenta-se fazer sobreviver a importância desse debate presente nos documentos curriculares, com implicações no pensamento e na prática dos professores. Conclui-se sobre a necessidade de continuidade do debate e possíveis ações na escola, apresentando uma questão paradoxal: a prioridade da atual política de ensino médio nos auxilia ou retira a ideia de se construir o ensino médio para além de competências e conteúdos curriculares enunciados?
Palavras-chave: Ciência na Escola. Diretrizes Curriculares Nacionais. Ensino Médio. Educação Profissional. Pacto Nacional do Ensino Médio.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v11i16.5384

Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados à Revista Margens Interdisciplinar - ISSN: 1982-5374

Universidade Federal do Pará - Campus Universitário de Abaetetuba - Editora Campus de Abaetetuba