Logo do cabeçalho da página Revista Margens Interdisciplinar

A PREOCUPAÇÃO COM UMA ÉTICA DA ALTERIDADE NA RELAÇÃO EDUCADOR/EDUCANDO

Neimar de ALMEIDA

Resumo

O presente trabalho estrutura-se, sobretudo, a partir da comparação da Ética da Alteridade, tendo como pressuposto teórico textos do filósofo lituano-francês Emmanuel Lévinas, com a realidade educacional, no que tange à relação educador/educando. Em busca dessa aproximação entre ética da alteridade e educação, propõe-se identificar a preocupação com o “outro”, por parte dos educadores, no meio educacional. Assim, os objetivos foram o de apresentar a Ética da Alteridade de acordo com o autor já mencionado e verificar sua efetividade junto aos sujeitos da educação de uma escola de ensino médio do DF2, se há uma preocupação com essa ética, por parte dos educadores desse Centro de Ensino. A metodologia utilizada foi um “estudo de caso”, através de uma pesquisa oral junto aos educadores, e um debate, através de questinamentos junto aos educandos. A partir da investigação, o trabalho mostrará que há essa preocupação por parte dos educadores. Chegou-se a essa conclusão a partir do diálogo com os educadores, mas, principalmente, pelo relato dos alunos envolvidos. O intuito é, além de verificar a proximidade entre Ética da alteridade e educação, demostrar a importância e o impacto desse pensamento no desenvolvimento humano e na aprendizagem dos educandos.
Palavras-chave: Ética da Alteridade. Educação. Emmanuel Lévinas.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v11i16.5392

Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados à Revista Margens Interdisciplinar - ISSN: 1982-5374

Universidade Federal do Pará - Campus Universitário de Abaetetuba - Editora Campus de Abaetetuba