Cabeçalho da página

AVALIAÇÃO DE EVENTOS ANTECEDENTES E SUBSEQUENTES A COMPORTAMENTOS ADEQUADOS E INADEQUADOS NA INTERAÇÃO PROFESSOR-ALUNO

Sônia Maria Mello Neves, Fernanda Cerqueira Bomfim, João Claudio Todorov, Fábio Henrique Baia, Anna Carolina Gonçalves Souza, Ivaldo Ferreira de Melo Junior, Wanessa Magalhães Carneiro, Laís Melo Giglio

Resumo

A interação professor-aluno é um aspecto determinante para aprendizagem em sala de aula. O objetivo deste estudo foi realizar a avaliação funcional da interação professor-aluno em sala de aula, em uma escola municipal com alto índice de violência. Participaram deste estudo seis estudantes com idades entre 9 a 16 anos, do 6o ao 8o ano do ensino fundamental, que compuseram dois grupos: Disciplinados e Indisciplinados; além de 10 professores, sendo nove mulheres e um homem. As interações entre os participantes foram registradas em vídeo. Pesquisadores analisaram os vídeos categorizando os comportamentos dos alunos como adequados e inadequados, registrando eventos anteriores e subsequentes desses comportamentos a partir de categorias de respostas dos professores. Os resultados indicam que não houve diferença de emissão de comportamentos apropriados entre alunos do Grupo Disciplinados ou do Grupo Indisciplinados. Já os comportamentos inadequados são mais frequentes entre os alunos do Grupo Indisciplinados. Foram observadas poucas situações nas quais o professor apresentava eventos subsequentes aos comportamentos dos alunos. Quando havia eventos subsequentes esses eram mais comuns para o comportamento adequado dos membros do Grupo Disciplinado e inadequados para o comportamento dos membros do Grupo Indisciplinado. Discute-se possíveis relações entre os eventos antecedentes, eventos subsequentes e comportamentos adequados e inadequados. Sugere-se treinamento aos professores para identificar relações funcionais e intervirem no comportamento de seus alunos. Além de condução de outras pesquisas que investiguem as condições de trabalho e eventos ambientais que determinam ou limitam a capacidade dos professores de intervirem no comportamento de seus alunos.

Palavras-chave: avaliação funcional; interação professor-aluno; comportamento adequado; comportamento inadequado.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rebac.v16i1.8883