Cabeçalho da página

EFEITOS DA MANIPULAÇÃO DA SINALIZAÇÃO SOBRE O RESPONDER MANTIDO COM ATRASO DE REFORÇO

PAULO ANDRE B. PANETTA, ROBERTO A. BANACO

Resumo

O objetivo foi avaliar a manipulação da duração da sinalização (luz) sobre o responder mantido com atraso de reforço sinalizado. Quinze ratos foram utilizados, sendo o estudo dividido em duas fases. Na Fase 1, a duração da luz era manipulada até cobrir todo o atraso (Grupo Encadeado III) ou ficar completamente ausente (Grupo Encadeado II). Com outros dois grupos, a luz ou não era apresentada ou sua duração cobria todo o atraso, mas não houve a manipulação gradual. Houve um aumento de 4 s na duração do atraso com o inicio da Fase 2, idêntica à anterior. Observou-se um aumento na taxa de emissões e de reforços produzidos pelos sujeitos dos grupos com manipulação da luz. Os resultados são discutidos focando as propriedades reforçadoras da sinalização.

Palavras-chave: Atraso de reforço, atraso de reforço sinalizado, duração da sinalização, reforçador condicionado, hipótese da redução do atraso e pressão à barra, ratos.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rebac.v8i2.1923