Cabeçalho da página

A NATUREZA COMPORTAMENTAL DA PANDEMIA DE COVID-19

Samanta Florenci Tibério, Táhcita Medrado Mizael, Fernanda Bordignon Luiz, César Antonio Alves da Rocha, Sofia Azevêdo de Araújo, André Martins dos Santos, Gabriel Bueno Terhoc, Léo Paulos Guarnieri, Amilcar Rodrigues Fonseca Júnior, Maria Helena Leite Hunziker

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar os aspectos comportamentais da pandemia de COVID-19. São abordadas as variáveis que controlam o comportamento de prevenir-se. Destacam-se algumas contingências gerais, que afetam o comportamento de virtualmente todas as pessoas, bem como algumas que atingem grupos diferenciados em função de classe social, gênero e raça. O papel exercido pelas agências controladoras mídia e governo também são objeto de análise, buscando-se indicar como elas favorecem ou dificultam a instalação e manutenção de classes de comportamentos relacionadas à prevenção da COVID-19. Espera-se que, no seu conjunto, este artigo demonstre que a Análise do Comportamento tem muito a oferecer para a compreensão e enfrentamento dessa pandemia.

Palavras-chave: COVID-19; pandemia; prevenção; Análise do Comportamento.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rebac.v16i1.9098