Cabeçalho da página

O uso da informática e o ensino de matemática nas escolas da rede pública estadual em Belém

Franz Kreüther Pereira, Tadeu Oliver Gonçalves

Resumo

O presente artigo está baseado nas conclusões de nossa dissertação de Mestrado e trata de discutir algumas dificuldades observadas no emprego do computador como auxiliar pedagógico do professor de Matemática da rede pública estadual paraense, refletindo sobre o (des)preparo desse professor ante um processo contextualizado de aprendizagem construtivista baseada em rede de computadores, enquanto aponta propostas para uma concepção transformadora em Educação Matemática, com vistas a melhorar os indicadores de desempenho nessa disciplina, no estado do Pará.


Palavras-chave

informática na educação; educação matemática; escola pública


Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Fernando J., Júnior, Fernando M. F. (2000) ProInfo: projetos e ambientes inovadores.Brasília-DF, MEC/SEED.

BORBA, Marcelo C., Penteado, Miriam G. (2003) Informática e Educação Matemática. B. Horizonte, Autêntica. 3ª ed.

CAPRA, F. (1986) O Ponto de Mutação. São Paulo, Cultrix.

FAGUNDES, Léa da C. Disponível em: http://www.midiativa.org.br/index.php/educado res/content/view/full/1053/ (acessada em 03/10/04).

FIORENTINI, D. (2003) Formação de Professores de Matemática: explorando novos caminhos com outros olhares (Org.). Campinas, Mercado das Letras.

GONÇALVES, Tadeu O. (2000) Formação e Desenvolvimento profissional de formadores de professores: o caso dos professores de matemática da UFPa. Campinas, SP. (Tese)

MEC. (1999) Parâmetros Curriculares Nacionais-Ensino Médio. Brasília, MEC - Secretaria de Educação Média e Tecnológica.

MORAES, Mª. C. (2002) O Paradigma educacional emergente. Campinas, Papirus. 8ª ed.

MUSKULIN, R. (2003) As possibilidades didático - pedagógicas de ambientes computacionais na formação colaborativa de professores de Matemática. In: Fiorentini, D. (org.). Formação de Professores de Matemática: explorando novos caminhos com outros olhares. Mercado das Letras. Campinas, São Paulo.

PENTEADO, Miriam G. (2004.) Redes de Trabalho: expansão das possibilidades da informática na Educação Matemática da escola básica. In: Bicudo, M. A. Viggiani; Borba, Marcelo C. (Orgs) Educação Matemática: pesquisa em movimento. São Paulo, Cortez.

PEREIRA, F. Kreüther. (2005) Código de modernidade e sistemas antigos: a propósito do uso da informática pelos professores de Matemática da rede pública estadual em Belém. UFPA, Pará.

QUEIROZ, Izabel C. Avaliação do Projeto Pro Info através da sua estrutura operacional: estudo de caso do NTE/SEDUC-Belém. (Dissert). UFSC, 2002.

SILVA, J. Carlo. Prática colaborativa na formação de professores: a informática nas aulas de Matemática no cotidiano da escola. (Dissert.), . Uberlândia: UFU, 2005.




DOI: http://dx.doi.org/10.18542/amazrecm.v4i0.1725

Direitos autorais 2008 CC-BY



Creative Commons License