Cabeçalho da página

Análise do tempo e dimensão epistemológica do saber: limite de uma função real

Teodora Pinheiro Figueroa, Saddo Ag Almouloud

Resumo

Este artigo apresenta o resultado de parte de uma pesquisa de pós-doutorado que se refere a construção de uma linha do tempo a respeito das primeiras ideias do objeto matemático Limites de Funções de uma Variável Real, do século V a.C. com os paradoxos de Zenão até o século XIX d.C. com Louis-Augustin Cauchy (1789-1857) e Karl Weierstrass (1815-1897), cujo período envolve um estágio inicial, intermediário e formal do conceito. A partir destes relatos, o objetivo específico é construir um mapa epistemológico deste saber, englobando aspectos históricos e filosóficos, a fim de responder algumas questões referentes a dimensão epistemológica: Qual a gênese do saber? Quais os conhecimentos envolvidos na construção deste saber? Acredita-se que as respostas a essas questões serão de fundamental importância tanto para o pesquisador em didática da matemática, como para o professor de matemática.


Palavras-chave

limites; mapa epistemológico; história da matemática


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/amazrecm.v14i32.5994

Direitos autorais 2018 Amaz RECM

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Creative Commons License