Page Header

TRABALHO, SABERES E A TERRA: AS MULHERES NO ASSENTAMENTO SERRA DOURADA/GO

Jéssica Lorrane Gonçalves SOUZA (UFG), Geovanna de Lourdes Alves RAMOS (UFU)

Abstract

Essa pesquisa analisou o processo de trabalho das mulheres no Assentamento Serra Dourada/GO, a partir de suas atuações no contexto da plantação de hortaliças. Desse modo, refletiu sobre o papel que as mulheres ocupam em suas atividades cotidianas, qual seja, à frente de atividades de produção, colheita e plantio, como também se as tarefas realizadas por elas interferem ou não na economia familiar. Por meio da História Oral foi possível compreender as histórias de mulheres assentadas que trabalham com as plantações de hortaliças e nos possibilitou reconstruir práticas, impasses, conflitos vividos no assentamento e na cidade. Neste sentido, as análises estarão centradas nas histórias de vida de mulheres que de alguma forma trabalham com a terra ou já trabalharam dentro da comunidade. Vimos que algumas dessas mulheres não são reconhecidas por parte da sociedade local, mas mencionam que se reconhecem nesse processo, como também por parte da família.


References


ALBERTI, Verena. Manual de História Oral. Rio de Janeiro: FGV, 2004.

ARANTES, Antônio Augusto. O Que é Cultura Popular. São Paulo: Editora Brasiliense, 2012.

BARRETO, Alessandra Amâncio. A mulher trabalhadora rural do Assentamento de Reforma Agrária João Batista II, em Castanhal-PA. Instituto de Ciências Sociais Aplicadas. Programa de Pós-Graduação em Serviço Social. Universidade Federal do Pará/Belém. Dissertação de Mestrado. 2012.

BEAUVOIR, Simone. O Segundo Sexo. Volume 2. Difusão Europeia do Livro, 2ª Edição, 1970.

BURKE, Peter. A Escrita da História: novas perspectivas. (Org). Tradução de Magda Lopes – São Paulo: Editora da Universidade Estadual Paulista, 1992.

DIAS, Maria Odila Leite da Silva. Quotidiano e poder em São Paulo no séc. XIX. São Paulo: Brasiliense, 1984.

FERREIRA, Luciana Dos Santos; LAVRATTI, Iara Milreu. A participação das mulheres em assentamentos: dominação patriarcal e ações coletivas. Disponível em : https://www.marilia.unesp.br/Home/Eventos/2015/xiisemanadamulher11189/a-participacao-das-mulheres_iara-milreu-lavratti.pdf Acesso: 04/09/2017.

FERREIRA, Marieta de Moraes; ABREU, Alzira Alves de (Org.). Entrevistas: abordagens e usos da história oral. Rio de Janeiro: Editora da Fundação Getúlio Vargas, 1994.

HALBWATCHS, Maurice. A Memória Coletiva. São Paulo: Centauro, 2004.

HOBSBAWM, Eric. Mundos do Trabalho: novos estudos sobre história operária. Editora: Paz e Terra. 2015.

LARAIA, Roque de Barros. Cultura: um conceito antropológico. 19ª Ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006.

MARTINEZ, Paulo. Reforma agrária: questão de terra ou de gente? São Paulo: Moderna, 1987.

MATOS. Júlia Silveira e SENNA. Adriana Kivanski de. História Oral Como Fonte: problemas e métodos. Historias, Rio Grande, 2 (1): 95-108, 2011. Disponível em: http://www.seer.furg.br/hist/article/viewFile/2395/1286 Acesso em: 25 agosto 2017.

MESQUITA, Natalia Lucas. Geografia, Gênero e Contra-Espaço: mulheres no Assentamento Serra Dourada - Goiás/GO – Brasil. Instituto de Estudos Socioambientais. Programa de Pós-Graduação em Geografia. Universidade Federal de Goiás. Dissertação. Goiânia, 2016.

MILTON, Aristides. A campanha de Canudos. Coleção Cachoeira vol. 2. Universidade Federal da Bahia. Salvador: 1979.

MINAYO, Maria Célia de Souza (Org.). Pesquisa Social: teoria, método e criatividade. 34ª Ed. Petrópolis-RJ: Vozes, 2015.

MONTENEGRO, Antônio Torres (2001). História oral e memória: a cultura popular revisitada. 3ª Ed., São Paulo: Contexto.

PÁDUA, Elisabete Matallo Marchesini de. Metodologia da Pesquisa: abordagem teórico-prática. 6ª Ed. Campinas-SP: Papirus, 2000.

PELLIZZARO, Reinaldo Assis. Guerra do Contestado: Linguagem dos Caboclos. Edipel, 2014.

PORTELLI, Alessandro. Ensaios de História Oral. São Paulo: Letra e Voz, 2010.

RAMOS, Geovanna de Lourdes Alves. Lutas e Experiências dos Assentados Serra Dourada/Goiás-GO. Revista Margens Interdisciplinar. V. 10, n° 15, 2016. Disponível em: http://www.periodicos.ufpa.br/index.php/revistamargens/article/view/4519 Acesso: dia 25/09/2017.

SCOTT, Joan. História das Mulheres. In: BURKE, Peter (Org.) A escrita da História: Novas Perspectivas. São Paulo, UNESP, 1992.

__________. “Gênero: uma categoria útil de análise histórica”. Educação & Realidade. Porto Alegre, vol. 20, nº 2, jul./dez. 1995.

SILVA, Ana Cláudia de Lima; BUENO, Tobias; SILVA, Altamiro Lourenço da; SILVA, Sirlene dos Santos Neves. Manutenção do Ciclo da Vida: Experiência em Transição Agroecológica de Hortaliças no Assentamento Serra Dourada, Goiás – GO. http://www.abaagroecologia.org.br/revistas/index.php/cad/article/viewFile/16809/10638 Acesso dia 25/04/2016.

STEDILE, João Pedro. A reforma agrária no Brasil. São Paulo: Atual, 1997.

TANZI, Héctor José. O Tratado de Tordesilhas e sua projeção. Revista de História, v. 54, n°. 108, 1976. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/revhistoria/article/view/77814 Acesso: 19/08/2020.

THOMPSON, E. P. A Formação da Classe Operária Inglesa: a árvore da liberdade. Vol 1. Trad. Denise Bottmann. 6ª Ed. São Paulo: Paz e Terra, 2011.

THOMPSON: Paul. A Voz do Passado: história oral. Trad. Lólio Lourenço de Oliveira. 2ª Ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

VEIGA-NETO, Alfredo. Cultura, culturas e educação. In: Revista Brasileira de Educação, nº 23, maio-agosto, 2003.

Fotografias

Acervo das pesquisadoras.

Atas pesquisadas

Atas do Assentamento Serra Dourada.




DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v15i25.11771

Copyright (c) 2022 Jéssica Lorrane Gonçalves SOUZA (UFG), Geovanna de Lourdes Alves RAMOS (UFU)

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Indexing for:

 

 

Impact Factor 1.54


 Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License

Federal University of Pará - Abaetetuba Campus - EditorAbaete

Post-Graduate Program in Cities, Territories, and Identities (PPGCITI)

ISSN: 1806-0560 e-ISSN: 1982-5374

DOI: https://dx.doi.org/10.18542

         

Free counters!