Logo do cabeçalho da página Revista Margens Interdisciplinar

A CONSTRUÇÃO DO PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO DAS ESCOLAS DO CAMPO: UMA CONTRIBUIÇÃO AO TEMA

Josilene Ferreira Barreto, Eliana Campos Pojo

Resumo

O presente artigo evidencia a construção do Projeto Político Pedagógico (PPP) nas escolas do campo, especificamente as que estão localizadas nas ilhas do município de Abaetetuba. Esta feitura foi uma das ações do Grupo de Estudo, Pesquisa e Extensão Sociedade Estado e Educação (GEPESEED). O município de Abaetetuba possui aproximadamente setenta e duas (72) ilhas e nessas estão distribuídas cerca de oitenta e três (83) escolas, funcionando com o atendimento escolar nos seguintes níveis de ensino: Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. Desse contingente de escolas das ilhas grande parte não possui o PPP construído, o que impossibilita, entre outras situações, a de participação nos programas e ações do governo federal, que o exigem como um dos instrumentos de organização da escola. Nos termos da lei (LDB 9394/96) fica explícita a intencionalidade de que todos precisam participar da vida escolar em suas múltiplas dimensões (social, administrativa e político-pedagógica), assim a construção do PPP de uma escola, constitui-se uma aprendizagem necessária, a ser experienciada e vivenciada por toda comunidade escolar, pois é uma oportunidade em que se pode refletir sobre a intencionalidade da própria prática educativa. Somos sabedores que o projeto norteia todas as ações escolares de forma planejada e organizada e sua ausência torna a
escola desfocada, sem identidade e direção, seguindo qualquer rumo e principalmente sem compromisso com o processo educativo. Foi com esse sentido político, que os encontros formativos, base da ação do GEPESEED, buscaram desenvolver estudos e o assessoramento à construção do PPP das referidas escolas, em parceria com a Secretaria Municipal de Educação do município de Abaetetuba. Sinteticamente, os encontros formativos foram assumidos como exercício da práxis, ou seja, um movimento cíclico (escola-formação-intervenção), contínuo e de reflexão sobre a prática para os gestores que estão na coordenação das escolas e com a responsabilidade
na condução do trabalho pedagógico do cotidiano escolar. (FREIRE, 1996).

Palavras-chave: Projeto Político Pedagógica. Escolas do campo. Formação.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v8i10.2743

Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados à Revista Margens Interdisciplinar - ISSN: 1982-5374

Universidade Federal do Pará - Campus Universitário de Abaetetuba - Editora Campus de Abaetetuba