Logo do cabeçalho da página Revista Margens Interdisciplinar

SOBRE FORMAÇÃO CULTURAL E EDUCAÇÃO NO CAMPO

Paulo Lucas da Silva

Resumo

O texto é uma discussão baseada em pesquisas realizadas durante o doutorado, em dois projetos de pesquisa e em eventos sobre Educação Rural, Casa Familiar e Pedagogia da Alternância. Desta experiência e da leitura de autores da escola de Frankfurt, analiso o que se convencionou denominar "educação do campo", sua relação com a escola formal, no meio rural, os programas de educação para o campo e a tentativa de direcionamento, unilateral, para o treinamento adestramento dos agricultores e de seus filhos para a atividade econômica. As críticas ao urbanismo na escola rural dão vazão a um sem número de novidades pedagógicas, propaladas por diversos programas que, negligenciando a formação, redundam em semelhante fracasso da formação da escola oficail. Ainda assim, a escola oficial rural não é superada, apesar de seu fracasso, e os programas continuam com seus ineditismos e com o apoio oficial (cf. CALAZANS et al., 1981, p. 161-92).

 

Palavras-chave: Educação. Formação. Programas de Educação Rural. Adorno.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v5i6.2811

Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados à Revista Margens Interdisciplinar - ISSN: 1982-5374

Universidade Federal do Pará - Campus Universitário de Abaetetuba - Editora Campus de Abaetetuba