Logo do cabeçalho da página Revista Margens Interdisciplinar

HISTÓRIAS E APRENDIZADOS DE VIDA NA PEDAGOGIA DO CAMPO

Evandro Medeiros, Maura Pereira dos Anjos

Resumo

Este artigo discute a formação de educadores oriundos de áreas de Assentamentos no Curso de Pedagogia do Campus, ofertado pela Universidade Federal do Pará, na região sudeste do Estado. Nosso objetivo é entender a influência das histórias de vida na formação de educadores. Utilizamos como metodologia a análise das produções/relatos das histórias de vida (JOSSO, 2004). Os resultados, a partir da análise dos relatos, são que as marcas e aprendizados gerados da sua condição de agricultor (a), dos processos migratórios que vivenciaram, da participação nas lutas e ocupações da terra em que moram, a vivência descontínua entre campo e cidade, e as consequências, como as diversas interrupções na escolarização, contribuiu tanto na sua constituiçaõ como sujeitos, transformando-os em militantes do moviemnto sindical, como para tornarem-se educadores nas localidades onde moram, e educandos em formação.

 

Palavras-chave: Formação de Educadores. História de Vida. Educação do Campo.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v5i6.2844

Copyright © 2015 - Todos os direitos reservados à Revista Margens Interdisciplinar - ISSN: 1982-5374

Universidade Federal do Pará - Campus Universitário de Abaetetuba - Editora Campus de Abaetetuba