Logo do cabeçalho da página Revista Margens Interdisciplinar

NARRATIVAS DISTÓPICAS COM PROTAGONISMOS JUVENIL: MEMÓRIA E INSTINTO DE RESISTÊNCIA EM THE MAZE RUNNER

Tânia Maria Pereira Sarmento-Pantoja

Resumo

Este estudo apresenta duas categorias – a memória ausente e o instinto de resistência – com vistas a analisar deteminadas caraterísticas da ficção distópica, destinada aos jovens adultos. Analisa The Maze Runner (romance e filme homônimos) a fim de estabelecer o estudo de caso, na medida em que acentua a associação entre distopia e ficção científica, com particular atenção aos elementos da biopunk fiction.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18542/rmi.v12i18.7652

Universidade Federal do Pará - Campus Abaetetuba - EditorAbaete

Programa de Pós-Graduação em Cidades, Territórios e Identidades (PPGCITI)

ISSN: 1806-0560 e-ISSN: 1982-5374

Indexada por: